Mestrado para professores da rede vagas ofertadas pela Seduc e UEG

  • Post category:Mestrado
Mestrado para professores da rede vagas ofertadas pela Seduc e UEG
Parceria prevê a disponibilização de 18 vagas em Programa de Mestrado Profissional do Ensino de Ciências (PPEC) a partir de 2022

 

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Universidade Estadual de Goiás (UEG) assinaram um pacto para proporcionar vagas no Programa de Mestrado Profissional em Ensino da Ciências (PPEC) para professores do sistema público estadual de ensino. A notícia foi anunciada durante uma cerimônia realizada na última quarta-feira (17).

Haverá 18 vagas na pós-graduação stricto sensu, distribuídas em 3 anos. Os primeiros 6 selecionados no processo de seleção se juntarão ao curso a partir de 2022. Além da vaga, o professor que for aprovado receberá uma bolsa de estudos de R$ 1.500,00 durante todo o primeiro ano do curso de mestrado.

→ LEIA TAMBÉM: Pós-graduação gratuita, conseguindo bolsa

O objetivo é promover a especialização de professores que trabalham em escolas públicas (Estaduais) dando a possibilidade de desenvolver pesquisas com foco na educação de ensino de ciências.

“Este é um momento histórico para mim”, comentou a Secretária de Educação de Goiás, Fátima Gavioli, durante toda a cerimônia. Para a secretária, a ideia implica uma vitória para os educadores da rede estadual de ensino, que terão a possibilidade de aprofundar seus conhecimentos e, no futuro, estendê-los às salas de aula. “É tão pouco e, em paralelo, para eles [professores] é tão grande e tão fundamental”, comemorou ela.

O gerente de Estudos de Pesquisa para Desenvolvimento de Profissionais de Educação em Ensino do Seduc e um dos responsáveis pelo projeto, Wagner Alceu Dias, o objetivo do programa é justamente conhecer os professores que permanecem na regência, especialmente aqueles que trabalham na rede estadual de ensino por mais de 5 anos. “A prioridade é para o professor no “andar” da sala de aula”.

Para o reitor da UEG Antonio Cruvinel, o convênio mostra o compromisso da universidade e de seu corpo docente com a educação realizada pelo estado “É uma forma interessante de iniciar um novo período para o Ensino Educacional em Goiás, usando a universidade como indutora”. E a universidade deseja desempenhar este papel”, mencionou o reitor.

A previsão é que a convocação (Edital) para o processo de seleção do mestrado seja publicada no último mês do ano, com a probabilidade de que os primeiros selecionados entrem no início de 2022.

 

 Novas parcerias

 

Fatima Gavioli também aproveitou a situação para fortalecer a parceria entre a Seduc e a UEG, tornando-se disponível para novos projetos. “Espero que, de agora em diante, possamos aumentar o número de participantes e aumentar as parcerias”. É muito bom assinar acordos de participação com você e ter seus professores trabalhando com os nossos”, mencionou a secretária.

 

Sobre a probabilidade de novos acordos e convênios e novos programas para mestrado, Antônio Cruvinel também comentou estar aberto às possibilidades e comemorou a demanda por novos projetos. “Isso é o que é bom! Quem acredita na universidade, demanda à universidade”, concluiu ele.

 

 Participantes

 

Além da Secretaria de Ensino (Educação) e do reitor da UEG, estiveram presentes: o deputado estadual, Virmondes Cruvinel; o pró-reitor de Expansão e Assuntos Estudantis da UEG, Fábio Santa Cruz; o pró-reitor de Graduação da UEG, Raoni Ribeiro; o superintendente do Centro de Estudos, Inquérito e Treinamento de Especialistas em Ensino da Seduc, Rita de Cássia; a coordenadora do PPEC, Plauto Carvalho; os diretores dos Conservatórios Acadêmicos da UEG, Marcos Vinícius Ribeiro, Joilson 2 Reis Brito, Michelle Ferreira de Oliveira e Rodrigo Messias de Souza; e os professores Sabrina Miranda, Solange Xavier e Juliana Simião.

 

Fonte do Monitor de Notícias Acadêmicas: https://www.portaluniversidade.com.br/mestrado/mestrado-para-professores-da-rede-vagas-ofertadas-pela-seduc-e-ueg/