Mestrado profissional em Saúde da Mulher e Criança

  • Post category:Mestrado
Mestrado profissional em Saúde da Mulher e Criança
Pós-Graduação em Saúde da Mulher e da Criança lança edital de seleção mestrado

 

O Programa de Pós-Graduação em Saúde da Mulher e da Criança da Universidade Federal do Ceará (PPGSMC/UFC) lançou o Edital para o processo de seleção para o mestrado profissional -2022.1.

São propostas 20 vagas, divididas nas áreas de concentração Saúde Materna e Perinatal (Saúde da Mulher), com 11 vagas; e Desenvolvimento e Primeira Infância (Saúde da Criança), com 9 vagas. Poderão participar especialistas com diplomas de cursos de graduação localizados no Brasil no setor de saúde ou envolvidos na área de Saúde da Mulher e da Criança. Se o diploma for obtido no exterior, o diploma deverá ser devidamente revalidado no Brasil, de acordo com as normas vigentes.

→ LEIA TAMBÉM:

 

Os alunos que estão no último semestre de seu curso de graduação também têm a possibilidade de se matricular, com aprovação prévia da organização educacional, a substituição do diploma ou certificado de conclusão até a data de inscrição do semestre de 2022.1, determinada de acordo com o calendário do programa.

A inscrição será feita em 2 fases: o candidato deverá preencher o formulário eletrônico disponível no Sistema de Administração de Profissões Acadêmicas Incluído (SIGAA) e, além disso, inscrever-se no formulário eletrônico disponível no site do PPGSMC/UFC.

A seleção terá 3 fases: avaliação do plano de pesquisa escrito, apresentação oral do plano de pesquisa e avaliação do currículo. O anúncio do resultado final está agendado para 9 de fevereiro de 2022.

 

LINHAS DE PESQUISA – Na área da Saúde da Mulher, o programa tem as seguintes linhas de consulta: “Avaliação e mediação do assoalho pélvico no período gravídico-puerperal e atividade física na gravidez”; “Avaliação e epidemiologia das infecções genitais na mulher”; “Infertilidade, endometriose, infecções sexualmente transmissíveis ou histórico de saúde da mulher na universidade”; “Ética e saúde materna”; “Avaliação do coronavírus na gravidez”; “Epidemiologia do uso de medicamentos na mulher”; e “Auxílio de enfermagem obstétrica ao parto / emergências obstétricas”.

Na área de Saúde Infantil, são propostas as seguintes linhas de pesquisa: “Desenvolvimento infantil”: Adversidades precoces, estresse tóxico e padrões de apego na primeira infância”; “Amadurecimento emocional em crianças e suas repercussões na vida”; “Epidemiologia e avaliação da vacinação em crianças”; “Epidemiologia quantitativa da saúde materna e infantil nas sociedades”; “Avaliação e tecnologia em saúde infantil”; “Avaliação de programas de cuidado materno-infantil de 0 a 6 anos”; e “Epidemiologia do uso de drogas em crianças”.

Mais informações podem ser encontradas no Edital nº 01/2021, que regulamenta o processo de seleção, ou no site do Mestrado Profissional em Saúde da Mulher e da Criança

 

Fonte do Monitor de Notícias Acadêmicas: https://www.portaluniversidade.com.br/noticias/mestrado-profissional-em-saude-da-mulher-e-crianca/